Estudantes africanos são premiados pela criação de ‘sabonete anti-malária’

Não resta dúvidas que ideias simples e bem desenvolvidas devem ser sempre incentivadas. E quando isso acontece em África, nós do YeboThis ficamos duplamente felizes. É sabido que um dos grandes problemas, no que diz respeito à saúde pública na África subsaariana é a malária – que mata principalmente crianças, mulheres grávidas e idosos. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde,  cerca de 90% de todos os casos de malária no mundo ocorrem em África

fasoap-1

Recentemente, uma ideia teoricamente simples foi desenvolvida pelos estudantes Moctar Dembélé, do Burkina Faso, e Gérard Niyondiko, do Burundi. Os dois são alunos do Instituto Internacional de Água e Meio Ambiente, no Burkina Faso, e ganharam o Grande Prêmio de 25 mil dólares, no Global Social Venture Competition 2013.

sabonete6

Eles criaram a fórmula repelente usando como base 3 ervas facilmente encontradas no solo do Burkina Faso. O produto funciona como um repelente comum, mas, como é produzido com produtos naturais e locais, o seu preço torna-se infinitamente menor, o é imprescindível entre as comunidades carentes.

sabonete7

O vídeo abaixo fala um pouco mais sobre o projeto dos estudantes e os seus objetivos.

Via | Imagens: divulgação

More from Fernando Almeida
Fotógrafo nigeriano quer mostrar a beleza da pele negra
Não deixar o estereótipo moldá-lo, não ser simplesmente mais um indivíduo definido...
Read More
0 replies on “Estudantes africanos são premiados pela criação de ‘sabonete anti-malária’”